7 pessoas que foram expulsas do baile de formatura por motivos ridículos | Crack com Lasanha

7 pessoas que foram expulsas do baile de formatura por motivos ridículos

Na categoria: Artigos ás 14:04

Baile de formatura na teoria é algo muito legal, mas na prática (vai por mim) não é nada do que os filmes americanos mostram. São apenas as mesmas pessoas que você viu durante anos, só que agora elas estão dançando, bebendo e vestindo trajes sociais, tudo o que uma pessoa precisa fazer para ser babaca. Caso algum dia você seja expulso do baile de formatura não fique triste, você não está perdendo nada. Separamos 7 pessoas que forma expulsas de seus bailes de formatura por motivos totalmente idiotas.

 

Decote muito grande

1

Brittany Minder foi barrada na porta do baile porque os organizadores disseram que o vestido dela tinha um decote exagerado. A garota estava usando um vestido com as medidas aprovadas pela escola, o único problema é que a natureza foi generosa demais com ela. Mesmo depois que liberaram a entrada de Brittany ela decidiu não entrar, devido o constrangimento que passou. Regra número um de convivência com mulheres, nunca encare o decote dela, muito menos comente sobre ele e menos ainda poste uma matéria na internet falando sobre o decote dela (desculpa, gente).

 

Por usar um vestido

2

Tony Zamazal é um estudante transexual que foi impedido de entrar por “não ter permissão para usar um vestido”, não importa quão discreto fosse. Felizmente, a ACLU (União Americana pelas Liberdades Civis) entrou em cena e Tony foi autorizado a usar o vestido no baile. Acho um absurdo isso, afinal, o vestido dele não tinha decote!

 

Vestido muito curto

3

Essa garota chamada Clare foi expulsa do bailes por seu vestido ser “muito curto” (o que não era, ele estava de acordo com as normas), e por isso despertar olhares maldosos e pensamentos impuros nos pais de outros alunos. Então podemos dizer que Clare foi expulsa do baile por estudar em uma escola onde os pais dos alunos são pervertidos.

 

Por ser lésbica

4

Hope Decker e Tiffany Wright foram impedidas de entrarem no baile porque o colégio tinha uma postura católica sobre a homossexualidade. Isso significa que padres podem entrar com seus acompanhantes até 8 anos de idade? As menina fizeram seu próprio baile no estacionamento da escola e dançaram a valer, arrasaram!

 

Por usar smoking

5

De acordo com a escola, o código de vestuário foi enviado a todos os pais com três meses de antecedência, e disse claramente que as meninas devem usar vestidos formais, ou seriam proibidas de entrarem na festa. Mas a estudante Aniya Wolf, uma lésbica, afirma que foi um e-mail nos últimos minutos que dava esse aviso. Quando ela apareceu em um smoking, ela foi barrada, mesmo nunca tendo usado um vestido desde quando começou a estudar nessa escola. E cara, as mulheres usam calças todos os dias, o problema é o smoking? Seria melhor ter ido de jeans então, ou não…

 

Por usar jeans

6

Shafer Rupard foi expulsa do baile por vestir calça jeans, e a escola nem tinha apresentado um código de vestuário, ou seja, se você fosse fantasiado de Capitão América da Carreta Furacão eles não poderiam te barrar. Um professor só não gostou e pediu para que ela se retirasse. Que mundo é esse em que mulheres não podem usar calça jeans e homens não podem usar vestido para dançar?!

 

Por mostrar a barriga

7

Mireya Briceno foi convidada a deixar o baile depois que alguém disse que seu vestido violou o código de vestimenta. Disseram que puderam ver a barriga dela quando a garota ergueu os braços. Pra mim, isso tudo é recalque do vestido lindo divoso azul de bolinhas brancas da miga, só acho (muito gay? desculpe).

 

Via Smosh

Burrito Mutante
comentários
Deixe um comentário
Os comentários do blog, são via Facebook. Para comentar você tem que estar logado lá!
Lembre-se que comentário é de inteira responsabilidade do autor.